Home / Sem categoria / Para quem é o seguro de vida?

Para quem é o seguro de vida?

Quando falamos em seguro de vida muitas pessoas tem em mente se tratar de algo desnecessário, pois apesar de que todos sabemos, ninguém pensa o tempo todo que imprevistos podem acontecer e que é importante pensarmos no nosso futuro e também no futuro de quem vive ao nosso lado.

Uma das duvidas que sempre permanecem quando tocamos nesse assunto é em relação a idade. Será que realmente existe idade certa para fazermos um seguro de vida, se levarmos em consideração que imprevistos podem acontecer em qualquer idade e com qualquer pessoa e sem restrições?

Não é que existe uma idade correta para isso, mas a maior parte das seguradoras só dão esse tipo de assistência para no mínimo 25 anos de idade e dão maiores atenções para pessoas que se encontram na terceira idade.

Mas por outro lado, existem alguns seguros de vida que possuem limitações para pessoas com mais de 60 anos por conta da cobertura, ou seja, da mensalidade ser relativamente alta e pela maior probabilidade de morte é considerável fazer o seguro até os 85 anos de idade.

Um pouco mais sobre seguro de vida

 

Outra grande dúvida é sobre quem pode ser os beneficiários do seu seguro de vida e se por acaso, pode ser mudado. Saiba que qualquer pessoa pode ser beneficiária do seguro de vida e caso queira mudar a pessoa que foi determinada, você pode e isso pode ocorrer quantas vezes você quiser.

Devemos relembrar que a indenização do seguro de vida é sempre paga aos beneficiários que são indicados pelo segurado e não precisa necessariamente ser um de seus familiares, apesar disso ser o mais comum ainda nos dias de hoje.  Além disso, o que é confundido por muitas pessoas: seguro de vida não deve ser tido como uma herança,  uma vez que,  o seguro tem o papel de fornecer maior assistência para determinada pessoa no caso de morte.

Em outros casos, ao se contratar um seguro de vida e o segurado sofrer de invalidez ou simplesmente alguma doença grave, a indenização é para ele e não para o beneficiário no qual ele  teve de escolher ao fazer o seguro.

Vale ressaltar que é recomendado que se faça um seguro de vida em qualquer idade para que estabeleça maior segurança financeira e uma preocupação a menos no futuro em casos de possíveis imprevistos.

Para os interessados em fazer um seguro de vida que tenham mais de 60 anos é necessário que se faça uma conta poupança emergencial, levando em consideração que nessa idade a vida financeira do beneficiário já está estabilizada e (normalmente) não tem responsabilidade por outras pessoas.

Isso se torna válido porque as seguradoras acabam cobrando mensalidades muito altas e com algumas limitações no quesito de seguro por conta da probabilidade de morte ser maior. No entanto, nessa idade é possível que a indenização a ser paga  na contratação do seguro diminua e pode se declarar isento do pagamento do Imposto de Renda.

Entre no nosso site: www.melhorseguros.com e leia mais sobre esse assunto!

No caso dos mais jovens, o seguro de vida só pode ser comercializado a partir dos 14 anos e possuem limitações. Em idades abaixo dos 14 anos só é permitido reembolsos com despesas relacionados a funerais ou gastos hospitalares em casos de acidentes. Mas é recomendado que só comece a pagar um seguro de vida a partir dos 25 anos de idade.

Gostou do conteúdo e quer saber mais? CLIQUE AQUI e confira O que é um seguro de vida?

 

Sobre 4 Free Antivirus

Veja também

Porque ter um ar condicionado no Rio de Janeiro?

          A cidade maravilhosa é um polo turístico mundialmente reconhecido e nos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *